Número de açudes sangrando no Ceará é o maior dos últimos 13 anos

O ano de 2022 já entrou para a história como um dos mais chuvosos no Ceará. Não somente a quadra chuvosa foi de intensos volumes, mas, também, a pré-estação (janeiro) e, agora, a pós-estação (junho). Esses bons índices pluviométricos impactaram direta e positivamente na recarga dos reservatórios do Estado.

Atualmente, são 42 açudes sangrando e outros 10 podem verter nos próximos dias diante do volume de armazenamento superior a 90%. Este é o melhor número dos últimos 13 anos.

Apenas em 2009 o Ceará tinha mais reservatórios em situação de sangria. Em 1º de junho daquele ano, eram 98 sangrando e 14 com capacidade acima dos 90%. Os dados são da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh).

Fonte: DN

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.