Bandeiras tarifárias de energias subirão até 63,7% a partir de 1º de julho

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou reajuste nos valores das bandeiras tarifárias em até 63,7% a partir de 1º de julho. As bandeiras são valores extras cobrados quando o custo de produção da energia sobe no País. Atualmente, está em vigor a bandeira verde, que não prevê cobranças a mais.

Com a atualização, a bandeira vermelha patamar 1 sofrerá o maior aumento, de 63,7%, e passará de R$ 3,971 para R$ 6,500 a cada 100 kWh consumidos.

A bandeira amarela também vai registrar forte correção de 59,5%, saindo de R$ 1,874 para R$ 2,989 a cada 100 kWh consumidos.

Confira as mudanças em todas as bandeiras:

– Bandeira verde: segue sem valores adicionais

– Bandeira amarela: de R$ 1,874 para R$ 2,989 a cada 100 kWh consumidos (59,5%)

– Bandeira vermelha 1: de R$ 3,971 para R$ 6,500 a cada 100 kWh consumidos (63,7%)

– Bandeira vermelha 2: de R$ 9,492 para R$ 9,795 a cada 100 kWh consumidos (3,2%)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.