“Intromissão indevida”, diz Figueiredo sobre pedido de apoio de prefeitos a Izolda

O presidente estadual do PDT, deputado federal André Figueiredo, criticou, nesta segunda-feira, 11, a mobilização de prefeitos para manifestarem apoio a governadora Izolda Cela (PDT) na pré-campanha à reeleição.

“Na verdade, achamos uma intromissão indevida. Não podemos concordar de maneira nenhuma que nossos prefeitos sejam coagidos a externar posição por A, B, C ou D. Todos os prefeitos que para mim ligaram para saber qual seria o posicionamento do partido, eu disse: ‘Olha, sugiro que você não declare acordo a nenhum dos quatro'”, disse o parlamentar, ao ser questionado sobre a mobilização de prefeitos em prol de Izolda. Figueiredo comandou reunião das bancadas do PDT, na sede do partido, em Fortaleza.

O deputado sugeriu que os correligionários esperem por deliberação oficial do partido sobre a futura candidatura governista, marcada para a próxima segunda-feira, 18.

Após o ex-ministro Ciro Gomes (PDT) afirmar não saber se Camilo Santana (PT) ainda é aliado, o ex-governador explicitou apoio à reeleição de Izolda. Depois disso, uma “onda” de prefeitos manifestou apoio à governadora. A reclamação sobre uma possível interferência da máquina foi levantada logo depois por lideranças pedetistas que defendem a indicação do ex-prefeito Roberto Cláudio (PDT) para a vaga do partido na disputa estadual.

PDT Ceará reuniu nesta segunda-feira, 11, as bancadas estaduais e federais, na tentativa de contornar os conflitos quanto à candidatura do partido ao Governo do Estado. Na ocasião, Figueiredo disse ainda que “não serão admitidas vozes discrepantes” contra quem vier a ser escolhido, uma vez que a decisão seja tomada.

Os últimos dias têm sido marcados por confrontos entre defensores da reeleição da governadora Izolda Cela e os favoráveis à candidatura do ex-prefeito Roberto Cláudio.

Camilo Santana tem sido um grande entusiasta da candidatura Izolda. O ex-governador defende que a candidatura de reeleição da pedetista é “uma questão de justiça”.

Fonte: O Povo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.