“Velha política” – A parceria inquebrável entre Lula e os caciques do PMDB

Nesta quarta-feira (06/10), o ex-presidente do Senado, Eunício Oliveira, foi anfitrião de um jantar em Brasília reunindo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e caciques do MDB. Foram convidados José Sarney, que comandou o Legislativo nos governos do PT, senadores em exercício, como Jader Barbalho e Eduardo Braga, além do governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha.

A iniciativa do encontro partiu de Lula, que trabalha na costura de alianças para viabilizar sua nova candidatura ao Palácio do Planalto desde que deixou a cadeia e recuperou os direitos políticos. Líder nas pesquisas, o petista aposta na contraposição a Bolsonaro.

Lula está conversando com integrantes de diferentes partidos, até com os rivais históricos do PSDB, enquanto Bolsonaro fala cada vez mais para a sua base ideológica. A meta, conforme o ex-presidente mesmo diz, é manter o diálogo aberto com todos aqueles que estão comprometidos com a democracia — e que se opõem à retórica golpista do adversário.

Nas conversas, Lula também se apresenta como o candidato capaz de redimir os políticos tradicionais, de combater o que ele chama de criminalização da política, enquanto Bolsonaro insiste em se vender como o nome contra o sistema, apesar de, entre tantas outras coisas, ter entregado o núcleo político do governo ao Centrão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *