FGV prorroga até 21 de janeiro de 2022 inscrição para Concurso do Censo do IBGE

A Fundação Getulio Vargas (FGV) comunica a todos os interessados que o período para inscrição para o Concurso para o Censo do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) fica prorrogado até as 16 horas da sexta-feira (21 de janeiro de 2022).

Nesse Processo Seletivo Simplificado (PSS), serão selecionados 208.703 agentes temporários para as funções de agente censitário municipal (5.500 vagas), agente censitário supervisor (18.420 vagas) e recenseador (183.100 vagas). Haverá vagas em todos os municípios do País.  A Prova será aplicada na manhã do domingo (27 de março de 2022). A previsão é que os aprovados trabalhem por até três meses na coleta domiciliar.

Taxa de inscrição para recenseador é de R$ 57,50 e pode ser paga pela internet ou em qualquer banco. Há vagas para quase todos os municípios do país (5.297).

Como o recenseador recebe por produção, o IBGE disponibilizou um simulador que calcula a remuneração, de acordo com a localidade e as horas trabalhadas.

Inscrições para as 18.420 vagas de agente censitário supervisor (ACS) e 5.450 de agente censitário municipal (ACM) estão abertas até 21 de janeiro de 2022, com taxa de inscrição de R$ 60,50. Oportunidades exigem nível médio completo e terão salários de R$ 1.700 e R$ 2.100, respectivamente.

O IBGE também lançou outros dois editais com 1.781 vagas para a função de Agente Censitário de Administração e Informática (ACAI) e 31 para a função de Coordenador Censitário de Área (CCA), ambas de nível médio, e com salários de R$ 1.700 e de R$ 3.677,27, respectivamente.

Inscrições custam R$ 44,00 para ACAI e de R$ 66,00 para CCA, e podem ser feitas até 10 de janeiro de 2022.

Pessoas inscritas no CadÚnico poderão solicitar isenção do pagamento da taxa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.