CPF será o RG único dos brasileiros

O presidente Jair Bolsonaro lançou, nesta quarta-feira 23, o “RG único”.  O documento vai adotar o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) como um padrão de identificação em todo território nacional de maneira obrigatória até o dia 6 de março de 2023.

As informações foram divulgadas pelo jornal Folha de S.Paulo. Pelo novo modelo, o RG poderá ser acessado pelo aplicativo do Gov.br. A previsão é que ele deixe de ser impresso em até 10 anos.

O objetivo da unificação é coibir fraudes. Atualmente, é possível retirar uma identidade em cada uma das unidades da Federação Brasileira. No novo RG será possível cadastrar informações sobre a saúde do titular, como tipo sanguíneo e fator RH.

As secretarias de segurança dos Estados continuam sendo as responsáveis pela emissão dos documentos. Caberá às pastas fazer o registro no cadastro único federal.

Quem já tem o RG antigo pode continuar usando por até 10 anos. os  brasileiros com 60 anos ou mais poderão manter o documento anterior por tempo indeterminado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.