Ceará estuda liberação do uso de máscaras

O secretário de Saúde do Ceará, Marcos Gadelha, afirmou que liberação do uso de máscaras pode ter protocolos específicos para cada setor. Além disso, a decisão sobre o assunto deve ser tomada a partir da próxima reunião do Comitê Estadual de Enfrentamento à Pandemia, que acontece todas as sextas-feiras.

O titular da pasta adianta que a Secretaria de Saúde do Estado defende que setores onde há grandes chances de transmissão do vírus continuem usando a máscara como é determinado atualmente. “Existem alguns setores que a gente sabe que é de maior risco, com maior circulação viral. O ambiente hospitalar é um exemplo”, disse.

Já em ambientes que são considerados de menor risco, como locais ao ar livre, o secretário acredita que é um cenário diferente. “A Secretaria de Saúde vai levar a proposição dela (para a reunião), inclusive de protocolos a serem instituídos. Ao ar livre é condição diferente, menos risco da transmissão viral”.

Pelo menos oito estados brasileiros já flexibilizaram o uso de máscaras. Alguns como São Paulo e Maranhão, a população pode decidir não usar máscaras apenas em locais abertos. No Rio de Janeiro e no Distrito Federal, a flexibilização vale para ambientes abertos e fechados. No Ceará, o uso continua obrigatório desde o dia 6 de maio de 2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.