Justiça Federal celebra convênio com Faculdade Luciano Feijão

Na terça-feira, (9), o Diretor do Foro da Justiça Federal no Ceará (JFCE), juiz federal Alcides Saldanha Lima, esteve em Sobral para celebrar o Acordo de Cooperação Técnica com a Faculdade Luciano Feijão (FLF) visando a execução do Programa de Bolsa de Estudos juíza federal Débora Aguiar da Silva Santos.

A assinatura aconteceu na sede da instituição de ensino com a presença dos diretores Lúcio Feijão, Márcia Feijão, Joaquim Feijão e Isabel Pontes; as coordenadoras Renata Albuquerque, Ysmenia Pontes e Clebia Rodrigues, além do juiz federal Thiago Mesquita Teles de Carvalho, diretor da Subseção de Sobral.

Durante o ato, o juiz federal Alcides Saldanha destacou “o esforço da Justiça Federal no Ceará de integração com as instituições para cumprimos mais aprofundadamente nossa missão social”. Prosseguindo, revelou a sua felicidade “de ver que instituições do porte da Faculdade Luciano Feijão, com a sua tradição e seu reconhecimento acadêmico que goza na sociedade em que está inserida, tenha abraçado conosco essa ideia de reproduzir e fazer com que o exemplo da juíza federal Débora Aguiar não seja esquecido”.

O Programa de Bolsa de Estudos juíza federal Débora Aguiar da Silva Santos foi criado em 2020, após o falecimento da magistrada, de modo a preservar a sua memória e incentivar o desenvolvimento pessoal e profissional de alunos que se encontrem em condições desfavoráveis quanto às oportunidades de participação na vida em sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.