Presidente do PDT diz que Bolsonaro será preso no dia que deixar a presidência

O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, previu que o Jair Bolsonaro, atual presidente da República, será preso assim que deixar o Palácio da Alvorada.

Ao analisar a eleição de 2022, o cacique diz confiar na eleição de Ciro Gomes, que deve tentar mais uma vez a candidatura. Ele reconheceu que Lula teve o seu bom momento na presidência, mas que não merece retornar ao poder.

“Esse homem (Bolsonaro) vai para a cadeia no dia em que deixar de ser presidente. Lula foi um bom presidente no seu tempo, mas quem apresenta um projeto sólido e viável para o Brasil neste momento é Ciro Gomes. Acredito muito que ele será o próximo presidente da República”, declarou.

As informações são da coluna Radar, da revista Veja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *