Capitão Wagner foge da votação que convocou Paulo Guedes

O deputado Capitão Wagner (PROS), que se diz independente, assumiu o bolsonarismo de vez, ao se abster de votar a favor da convocação do ministro Paulo Guedes, que administra uma fortuna pessoal em paraísos fiscais sem informar a Receita Federal. O ministro da Economia será sabatinado, terá que explicar a origem do dinheiro na qualidade de convocado. O ministro possui dólares no exterior que, na conversão em real, atinge R$ 52 milhões.

Fonte: Blog do Roberto Moreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *