O veto do PT e a reação de Ciro

O nome de Roberto Cláudio tem sido pauta na política do Ceará. O episódio que envolve Ciro Gomes é um bom momento para o PT declarar, abertamente, porque impõe veto ao nome do ex-prefeito, caso ele seja o escolhido pelo PDT para ser o candidato ao governo.

As palavras duras de Ciro devem ser avaliadas como um desabafo de um líder político que abomina ilações e metáforas. Na política, tudo tem que ser “preto no branco” e ele parece querer saber o porquê do veto, de forma oficial.

Os deputados, vereadores e prefeitos da base aliada foram solidários a Ciro Gomes. O único petista a se manifestar publicamente foi o deputado José Airton, opositor de Ciro dentro da aliança no Ceará, porque ele fechou as portas, por considerá-lo integrante da ala do chamado lulopetismo.

O desdobramento da crise entre PT e PDT no Ceará tem tudo para ficar no pacote nacional. As palavras duras de Ciro sobre Lula vão continuar e o PT seguirá junto com o PDT. O partido não tem como sobreviver, sem o governo estadual. O PT sabe que Izolda Cela é filiada ao PDT e tem fortes ligações com Cid Gomes e Camilo Santana, duas lideranças que não têm interesse em divergências.

Fonte: Blog do Roberto Moreira

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.