Bolsonaro prova em mais um ato que é inimigo das artes e da cultura

O presidente da República, Jair Bolsonaro, vetou integralmente a nova Lei Aldir Blanc, que previa o repasse de R$ 3 bilhões por ano para o setor cultural até 2027. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União na quinta-feira, 5 de maio. O Senado havia aprovado, em março, o texto por 74 votos a favor e nenhum contrário, com apenas uma abstenção.

Bolsonaro justifica o veto apontando que o projeto é “inconstitucional e contraria o interesse público”. O Ministério do Turismo, o Ministério da Economia e a Controladoria-Geral da União também manifestaram-se pelo veto da lei Aldir Blanc.

Fonte: O Povo Online

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.